Risottando (sem o Floyd e a Sakura)

Um dia essa moça, que é uma chef de mão cheia, veio me visitar e me ensinou a aprimorar a minha técnica (cof, cof) pra preparar risotto. Por algum motivo eu realmente achava que o risotto que eu fazia era gostoso mas foi só experimentar o dela pra descobrir que eu estava redondamente enganado... haha. 

Sempre gostei de receber pessoas na minha casa, tomar vinho, falar sobre a vida, cozinhar e ouvir música... e esse dia não foi muito diferente, a não ser pelo fato de que não era eu quem estava pilotando o fogão. E claro, isso me deixou com as mãos livres pra pegar a Foxy Lady (minha polaroid) e registrar algumas lembranças desse dia bom. As fotos mostram duas coisas bem corriqueiras aqui em casa: o Highlander sempre sendo demasiadamente afofado... e a Joy sempre ao lado da mesa com cara de quem nunca comeu na vida.

Pra quem curte cozinhar, volta e meia a Nay dá uns cursos pra turmas pequenas... valor super camarada, vale cada centavo do investimento. Quem se interessar pode passar uma mensagem pra ela clicando AQUI.

Como curiosidade: Esse é o mesmo processo, filme e camera que eu estou usando na produção do livro LOVE:EXPIRED.

Sergio BussComment